Grupo invade área da Vale próximo ao projeto S11D e é retirado

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Representantes da Vale dialogam com grupo que ocupou a área privada

Um grupo de pessoas ocuparam por três dias uma área pertencente a Mineradora Vale, próximo o projeto S11D, na região conhecida como ‘Racha Placa’. Neste domingo(2), o Portal Canaã foi informado por antigos moradores da região que, cerca de duzentas pessoas estavam no local sendo monitoradas pela polícia.

Já a mineradora informou ao Portal Canaã que os ‘invasores’ arrombaram a entrada da área e resistiu ao diálogo para a saída da propriedade, precisando usarem a força legal para a retirada do grupo.

Os ocupantes estavam no local desde a sexta-feira(30). Os reais motivos e a origem do grupo segue sem esclarecimentos.

Segundo informações, antigos moradores e indenizados da área, não estão envolvidos no ato.

A região da antiga vila Mozartinópolis foi adquira pela mineradora logo no início do projeto S11D para extensão da Estrada de Ferro Carajás e, reflorestamento ambiental em compensação da exploração. Hoje, a área que foi indenizada em meados de 2010 é privada e fica fora do parque nacional.

Ao Portal Canaã, a mineradora enviou a seguinte nota:

A Vale informa que na noite de sexta-feira, 30/4, por volta das 20h, um grupo de pessoas arrombou porteira e invadiu área pertencente à empresa, no município de Canaã dos Carajás. A empresa, por meio de sua equipe de relacionamento com comunidades, ouviu o grupo, e mesmo após as tentativas de dialogar, de esclarecer que o local é propriedade privada, inclusive adquirida em cumprimento de condicionante do Programa de Conectividade Florestal (reflorestamento), os invasores se mantiveram no local. Diante da negativa do grupo, a empresa adotou a ação legal de desforço imediato, conforme previsto no Código Civil. Cabe reforçar que a invasão de propriedade privada é crime previsto no Código Penal.

  Acidente na estrada do S11D faz vítima fatal neste Final de Semana

Deixe uma resposta

Leia mais