Dilma nega ‘atos ilícitos’ e se diz indignada com decisão de Cunha

Eduardo Cunha anunciou nesta quarta (2) que aceitou impeachment.
Após anúncio, Dilma convocou imprensa para pronunciamento no Planalto.

Após o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), anunciar que aceitou pedido de impeachment nesta quarta-feira (2), a presidente Dilma Rousseff negou “atos ilícitos” em sua gestão e afirmou que recebeu com “indignação” a decisão do peemedebista.

 

Entenda o que aconteceu e o que vai acontecer:

Impeachment Dilma trâmite arte (Foto: Arte/G1)

Veja também:  EAD Unicesumar oferece mais de 10 mil bolsas de estudo em vestibular nacional
COMENTE VIA FACEBOOK

Deixe uma resposta