No município de Parauapebas em seu âmbito urbano, por muitos batizada como a ‘Cidade do Lixo’, onde é comum o grande acúmulo de resíduos  nas margens das principais avenidas da cidade, a Prefeitura anda fazendo grandes investimentos na locação máquinas pesadas, equipamentos e caminhões para realizar o serviços de limpeza pública, incluindo lixo patológico.

No início deste ano, o município já investiu mais de 4 milhões em serviços de limpeza pública em dois meses do empenho realizado, do valor de R$21 milhões, contrato firmado com a empresa Consórcio Paracanãs, que já presta os serviços desde a gestão anterior, que teria firmado contrato de 3 anos, com o valor total de aproximadamente R$ 95 milhões.

Entre os meses Janeiro a Abril (já está pago) foram pagos respectivamente R$10,95 mi para a empresa contratada, apesar de vários repasses estarem em liquidação e os empenhos não finalizados. O gasto é recorrente.

Apesar da manutenção e alto custo de operação para “manter a cidade limpa” Parauapebas tem apenas um ano para providencia o tão sonhado aterro sanitário e passar a ter uma coleta mais sustentável.

Redação/Portal Canaã