Inscrições para cursos superiores em nove municípios paraenses  iniciam na próxima quarta -feira (9)

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Foto: Marco Santos / Ag. Pará

Iniciam na próxima quarta-feira (9) as inscrições do processo seletivo para o preenchimento de 405 vagas em cursos universitários ofertados pelo projeto Forma Pará, desenvolvido pelo governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Educação Superior, Profissional e Tecnológica (Sectet) em convênio com instituições públicas de ensino superior e prefeituras ou organizações sociais. Os editais com a oferta das vagas em nove municípios foram publicados na sexta-feira (4), no site da Fundação de Amparo e Desenvolvimento da Pesquisa (Fadesp), responsável pela realização dos processos seletivos.

O edital da Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará (Unifesspa) oferece 315 vagas nos municípios de Abel Figueiredo (Administração – 50 vagas), Bom Jesus do Tocantins (Ciências Contábeis – 50 vagas), Itupiranga (Pedagogia – 50 vagas), Jacundá (Psicologia – 35 vagas) , Ourilândia (Zootecnia –  40 vagas), Piçarra (Medicina Veterinária – 40 vagas) e Tailândia (Engenharia Ambiental – 50 vagas). A Universidade Federal do Oeste do Pará (Ufopa) oferta 90 vagas nos municípios de Novo Progresso (Engenharia Sanitária e Ambiental – 50 vagas) e Rurópolis (Agronomia – 40 vagas).

Para os dois processos seletivos, as inscrições podem ser feitas de 9 de setembro a 22 de outubro e a taxa de inscrição é de R$ 80, sendo garantido o pedido de isenção para os candidatos de baixa renda que podem fazer a solicitação no período de 9 a 18 de setembro. A data prevista para a realização da prova é 13 de dezembro, em cada município onde o curso é ofertado.

  PF volta a fazer buscas contra Helder por desvios na Saúde do Pará

Ambos os editais preveem reserva de vagas para cotas sociais e raciais, além de vagas para pessoas com deficiência. Confira todos os detalhes nos editais disponíveis aqui.

Deixe uma resposta

Leia mais