Helder Barbalho suspende corte de acesso à internet por 60 dias

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Foto: Bruno Cecim / Ag.Pará

Em meio a esse período de quarentena, onde os estudantes não têm frequentado diretamente a um espaço escolar e tem utilizado a internet para ajudar com os estudos em casa, o governo do Pará, suspendeu por 60 dias, o corte de banda larga de internet, onde será proibido qualquer empresa de cortar o acesso ao mundo virtual de qualquer pessoa no estado.

Essa medida colabora com milhares de alunos, que tem estudado online. Alguns acessando vídeos aulas no Youtube, outros acessando sites de educação e buscando não ser prejudicados neste momento de pandemia da Covid-19.

Segundo informações da Agência Brasil, a TV Escola também tem contribuído muito neste período de isolamento e lançou o projeto “Seguimos Conectados” que pretende ajudar crianças e jovens brasileiros. O projeto é um conjunto de ações que utilizam as mais de 500 horas de programação educativa do canal – sendo 200 horas de programação inédita – para manter os estudantes da Educação Básica engajados nos seus processos de aprendizado, mesmo estando fora do ambiente escolar.

Todas as redes sociais e as plataformas da TV Escola – app, portal, canal de televisão aberto, por satélite e pago – vão dar dicas de como os pais podem motivar as crianças a seguirem estudando, como os professores podem compartilhar ideias de utilização da programação do canal e os alunos selecionar conteúdos por área de conhecimento. O acesso aos conteúdos do projeto “Seguimos Conectados” é feito pelo canal TV Escola ou pelo site www.tvescola.org.br.

Deixe uma resposta

+ Sobre