Levantamento com dados da Agência Nacional do Petróleo (ANP), mostra que Parauapebas registrou a segunda gasolina mais cara do estado do Pará. Em média, é em Santana do Araguaia onde o consumidor paraense encontra a gasolina com o valor mais alto: R$ 4,490. Na sequência aparecem Parauapebas (R$ 4,362), Conceição do Araguaia (R$ 4,314), Alenquer (R$ 4,284) e Altamira (R$ 4,224). Bragança tem a média mais barata do litro do combustível (R$ 3,827), seguido por Belém (R$ 3,834), Castanhal (3,850) e Ananindeua (R$ 3,888).

Ainda de acordo com dados da Agência Nacional do Petróleo (ANP), mostra que o Pará registrou a segunda gasolina mais cara do País na última semana. Entre os dias 30 de outubro e 5 de novembro, o preço médio do combustível ficou em R$ 4,004 – R$ 0,002 a mais desde o dia 14, quando a Petrobrás estabeleceu a nova política, que reduziu o valor do combustível nas refinarias em 3,2%. O preço médio do litro da gasolina no Pará só fica atrás do valor constatado no Acre, que, mesmo com a redução de R$ 0,013 no mesmo período, se mantém como o mais alto do País: R$ 4,121.

Nas posições seguintes aparece o Rio de Janeiro (R$ 3,940), Roraima (R$ 3,854) e Rio Grande do Norte (R$ 3,851). Na outra ponta, surge São Paulo, que possui a maior frota do País e registrou novo aumento no derivado de petróleo, de R$ 3,458 para R$ 3,514 por litro, e deixou de ter o produto mais barato do Brasil. Essa posição, agora, é ocupada pelo Distrito Federal, que na última semana viu a gasolina cair de R$ 3,558 para R$ 3,465 o litro.

Outro destaque de queda foi o Amazonas, onde a gasolina passou de R$ 3,798 para R$ 3,548 por litro nessas três semanas. Na contramão, Pernambuco e Goiás tiveram as maiores altas. No Estado do Nordeste, o produto foi de R$ 3,611 para R$ 3,662 por litro. No mercado goiano, por sua vez, os preços médios variaram de 3,835 para R$ 3,863 por litro. Na média Brasil, a gasolina apresentou uma elevação de preço desde o último dia 14, oscilando de R$ 3,654 para R$ 3,676 por litro.

O levantamento da ANP calcula o valor médio da gasolina nos 26 estados e no DF. Isso significa que há postos no Pará vendendo a gasolina por valores maiores e menores que os R$ 4,004 medidos. Dentre os 115 estabelecimentos pesquisados em 17 municípios paraenses, o preço mais barato identificado foi de R$ 3,670, encontrado em três postos de Belém, nos bairros do Coqueiro, Pedreira e do Telégrafo.

Redação do Portal Canaã