Vale celebra conclusão de projeto de US$ 792 milhões no Canadá

Projeto é o maior investimento ambiental da história de Sudbury

​A Vale anunciou no último dia 14 a conclusão de um projeto de 1 bilhão de dólares canadenses (US$ 792 milhões) chamado Clean AER com um evento próximo a seu complexo de fundição em Sudbury, na província canadense de Ontário.

“A conclusão do nosso Projeto Clean AER é um marco histórico que demonstra o quanto a empresa foi longe na redução da pegada ambiental. Todos nós da Vale e da comunidade local podemos ter muito orgulho desse feito”, comenta Ricus Grimbeek, diretor de Operações de Metais Básicos no Atlântico Norte e de Refinarias Asiáticas da Vale.

O Projeto Clean AER (sigla em inglês para “Redução de Emissões Atmosféricas”) é o maior investimento ambiental da história de Sudbury. Com ele, a Vale reduziu em 85% as emissões de dióxido de enxofre e em 40% as emissões de partículas metálicas.

O trabalho começou em 2012 e incluía a construção de dois conversores novos, uma planta de depuração de gases, uma nova instalação secundária com filtro de manga e ventilador e a reconstrução dos dutos de chaminé do conversor da fundição. Graças à coordenação integrada entre o projeto e as operações, essa construção foi realizada com segurança enquanto o complexo de fundição Copper Cliff permanecia em operação.

“O Projeto Clean AER reduziu tanto as emissões que não precisaremos mais da nossa icônica chaminé ‘Superstack’. Sua desativação é um símbolo do progresso ambiental para toda a nossa empresa e para o setor de mineração como um todo”, destaca Dave Stefanuto, vice-presidente dos projetos do Atlântico Norte da Vale.

Atualmente, duas novas chaminés de 137 metros estão sendo construídas no complexo de fundição Copper Cliff. Elas exigirão muito menos energia para operar do que a Superstack e reduzirão a emissão dos gases de efeito estufa do complexo de fundição em cerca de 40%. Depois da construção de corpos de concreto, serão instalados revestimentos de aço nas novas chaminés em 2019. Em 2020, o revestimento de aço da Superstack será removido e ela será desativada para manutenção. A remoção dos corpos de concreto deve começar em seguida e seguir por vários anos.

Além do impacto ambiental positivo, o Projeto Clean AER proporcionou grandes benefícios econômicos locais para fornecedores da região e para a comunidade, com cerca de 550 empregos gerados no setor da construção.

A Vale é uma das maiores empresas de mineração do mundo, presente em cinco continentes. Também é a maior produtora de níquel, com sede dos negócios de metais básicos em Toronto. Há mais de 100 anos, nossas operações no Canadá produzem níquel, cobre, cobalto, metais do grupo da platina, ouro e prata. As operações da Vale em Sudbury sediam um dos maiores complexos integrados de mineração do mundo, com cinco minas, uma planta, uma fundição e uma refinaria de níquel.

COMENTAR COM FACEBOOK