“Se o PT voltar ao governo, faremos as pessoas devolverem as armas”, ameaça Lula

Em entrevista para blog de extrema-esquerda, o ex-presidente e ex-presidiário criticou as políticas de armamento civil do governo Bolsonaro.

O ex-presidente disse ainda que “se o PT voltar no governo, a gente vai fazer com que as pessoas devolvam essas armas”.

“Nós aprovamos o Estatuto do Desarmamento. Veja a diferença entre eu e o Bolsonaro. Ele não quer dar arma pro favelado nem pro trabalhador, ele quer dar arma pros milicianos, pros fazendeiros. Ele quer dar arma pras pessoas atirarem em sem terras, em quilombolas, pra matarem Marielle. Podem saber, se o PT voltar no governo, a gente vai fazer com que as pessoas devolvam essas armas. Vamos desarmar esse país. Quem tem que ter armas são as Forças Armadas e as Polícias Militares, disse Lula.

Lula, que não respeitou o resultado do referendo de 2005, vai desrespeitar novamente a vontade da maioria dos cidadãos, caso o PT volte ao poder.

“Não é o povo trabalhador que quer comprar armas. O povo quer comprar óleo de soja e não pode porque subiu 103%; o arroz subiu 73%; o feijão fradinho 68%; a laranja lima 53%; a banana maçã 38%; um saco de arroz de cinco quilos passa de R$ 40,00; um quilo de patinho vale R$ 50,00; uma picanha, que no meu tempo o cara fazia questão de mostrar com orgulho, tá R$ 100,00”, disse.

 

Compartilhar
Por
Redação