Assaltante morre em confronto com a PM de Canaã dos Carajás

Era por volta de 23h desta sexta-feira, 26, quando os hóspedes de um hotel localizado na Av. Weyne Cavalcante, Centro de Canaã dos Carajás foram surpreendidos por disparos de armas de fogo.

Na noite desta sexta-feira, 26, um homem identificado como André Sanches morreu após uma troca de tiros com uma guarnição da Polícia Militar de Canaã dos Carajás. O caso correu por volta das 23h e chamou a atenção de quem estava nas proximidades.

Antes da refrega, André, que estava hospedado em um hotel na Avenida Weyne Cavalcante, acionou um serviço de táxi para que o levasse até as proximidades do Projeto de Ferro S11D. Enquanto ainda estavam na estrada, André puxou uma arma calibre 38 que estava escondida e anunciou o assalto. Sem reagir, o motorista foi obrigado e entregar o veiculo.

Após deixar o taxista na estrada, o assaltante fugiu conduzindo o veículo que capotou mais á frente.
A polícia foi acionada e deu início às buscas pelo assaltante.

Alguns minutos depois do crime, André foi até um outro hotel, também no Centro da cidade em busca de um quarto para se hospedar. Segundo o próprio dono do estabelecimento, o recepcionista mostrou alguns quartos, o cliente disse que tinha se agradado e quando se dirigiam até a recepção para fazer a ficha, André deu de cara com a viatura da Polícia Militar que já estava estacionada em frente ao estabelecimento.

Os policias pediram para que o assaltante se rendesse mas foram ignorados.

E foi no corredor que dá acesso aos quartos do hotel que houve a troca de tiros após uma tentativa de fuga. O assaltante foi atingido e morreu ainda no local. Na porta do quarto de número dois ficaram as marcas do confronto.
André era dono de uma extensa ficha criminal. Há cerca de duas semanas ele foi o responsável por assaltar um estabelecimento comercial na cidade. Ele chegou a ser preso e mesmo sendo reconhecido pela vítima, foi posto em liberdade durante audiência de custódia. Ele também já havia sido preso outras vezes pelos crimes de estelionato e roubo.

COMENTE VIA FACEBOOK

Deixe uma resposta