Governador assina convênio para construção de hospital de campanha em Redenção

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Foto: Bruno Cecim / Ag.Pará

Na manhã desta terça-feira (19), o governador do Estado, Helder Barbalho, assinou um convênio com a prefeitura municipal de Redenção para a construção de um Hospital de Campanha na cidade. A unidade, que atenderá a população do sul do Pará, terá 60 leitos, sendo 10 de Unidade de Terapia Intensiva (UTI). O Hospital de Campanha será um reforço no atendimento aos pacientes dos 15 municípios da região do Araguaia. Ampliando o número de leitos exclusivos para o combate ao novo coronavírus.

O Hospital de Campanha de Redenção atenderá os moradores dos municípios: Água Azul do Norte, Bannach, Conceição do Araguaia, Cumarú do Norte, Floresta do Araguaia, Ourilândia do Norte, Pau D’Arco, Redenção, Rio Maria, Santana do Araguaia, São Félix do Xingu, Sapucaia, Tucumã, Xinguara e Santa Maria das Barreiras.

Helder Barbalho disse que a instalação do Hospital de Campanha em Redenção é uma medida preventiva enquanto os números estão sob controle e reduzidos nessa região.

A assinatura do convênio ocorreu no Parque Ambiental da cidade, com a presença do governador do Estado, Helder Barbalho, do prefeito de Redenção Carlo Iavé, do prefeito de Conceição do Araguaia, Jair Martins, do deputado estadual Alex Santiago, do Secretário Estadual de Desenvolvimento Urbano e Obras Públicas Ruy Cabral, e do Secretário Estadual Executivo de Transportes Pádua Andrade.

“É com muita alegria que recebemos esse Hospital de Campanha aqui em Redenção. Um local que dará apoio a cerca de 700 mil pessoas de 15 municípios da região sul do Estado. Nós sabemos que esse hospital vai salvar inúmeras vidas. Nós estamos muito felizes com a instalação desse hospital. É essencial saber que temos um loca de apoio, principalmente se houver um surto na região”, disse Carlo Iavé, prefeito de Redenção.

O gestor do município informou que, a partir desta quarta-feira (20), a prefeitura irá visitar e avaliar possíveis locais aptos para instalação do Hospital. A expectativa é que dentro de 90 dias a unidade seja entregue. Até o momento, a cidade de Redenção tem 58 casos notificados e 1 óbito por Covid-19.

Além da ampliação de leitos com o Hospital de Campanha, o Hospital Regional do Araguaia, também em Redenção, recebeu na segunda-feira (18), três respiradores para aumentar o número de unidades de terapia intensiva na região. Com os novos respiradores que o Estado recebeu no último domingo (17), o Pará contará com 390 UTI’s exclusivas para pacientes com síndrome respiratória aguda.

Deixe uma resposta

+ Sobre