Vale investe R$ 1,5 milhão na reforma do Hospital Municipal de Parauapebas

Ação possibilita ampliação de 40 leitos de Unidade Semi-intensiva, aptos a receberem pacientes com possíveis sintomas do coronavírus (Covid-19).
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Parceria garante 40 novos leitos de Unidade Semi-intensiva para receber pacientes com possíveis sintomas do coronavírus. As obras já foram iniciadas. Crédito: Felipe Borges Ascom / PMP

Como reforço à saúde pública no sudeste do Pará, a Vale está investindo R$ 1,5 milhão na reforma e ampliação de uma ala de internação do Hospital Municipal de Parauapebas (HMP). A ação possibilitará o acréscimo de 40 novos leitos de Unidade Semi-intensiva, aptos a receberem pacientes com sintomas graves do Covid-19 e se soma as medidas do Executivo Municipal no combate ao coronavírus.

A reforma do HMP, que deve ser concluída na primeira quinzena de abril, contempla ainda salas de conforto para médico, técnicos e enfermeiros, salas administrativas, um novo posto de enfermagem e medicação, entre outras melhorias.

A companhia segue dialogando com outros municípios da região, a fim de avaliar possíveis medidas de apoio.

Reforço à prevenção

A Vale vem tomando todas as medidas necessárias para reforçar a prevenção do Covid-19 em seus locais de trabalho. A empresa tem focado em reduzir a presença do efetivo administrativo e operacional nas unidades, de forma a manter apenas os serviços essenciais.

Além do trabalho remoto adotado desde 16/3 para empregados cujas funções são elegíveis a home office e para empregados dos grupos de risco, conforme orientação do Ministério da Saúde, a empresa colocou em prática uma série de ações preventivas e proativas para evitar aglomeração, como redução da quantidade de pessoas nas portarias, nos ônibus e nos restaurantes.

Veja também:  Empresa abre vagas de emprego em Curionópolis, Parauapebas e Canaã dos Carajás

A Vale reforça que está em conformidade com os protocolos de saúde e segurança estabelecidos pelas autoridades e agências de cada um dos países em que opera e está monitorando o desenvolvimento da situação.

Deixe uma resposta

+ Sobre

Coronavírus

Ultimas notícias