1ª Festa Literária de Marabá começa neste sábado (21) com show de Lucinha Bastos

Bruxos, piratas, super-heróis, dragões, vampiros, índios, astronautas se preparam para invadir Marabá. Isso por que o mundo dos livros está chegando à cidade. Durante os dias 21 a 29 de setembro, o Centro de Convenções Carajás Leonildo Borges Rocha, receberá milhares de escritores, leitores, artistas, professores, alunos e intérpretes de toda região. A Secretaria de Cultura (Secult), em parceria com o Governo do Estado, já iniciou a instalação das estruturas para 1ª Festa Literária de Marabá. Evento que está dentro da 23º Feira-Pan Amazônica do Livro e das Multivozes.

Oito municípios já confirmaram participação direta na programação cultural da feira, entre eles, São João, Itupiranga, São Félix do Xingu, São Domingos e Rondon do Pará. “Eles lançarão livros, trarão escritores, atividades musicais, de dança, poesia. Entramos em contato com os 38 municípios da região do Araguaia-Tocantins, estamos abertos a todos. O importante é que seja algo que incentive a cultura e leitura na região”, conta Genival Crescêncio, coordenador cultural da Secult.

A programação da feira inclui diariamente rodas de conversas com escritores, apresentações culturais, encontros literários, espaço infantil com oficinas e contações de histórias, além de atrações musicais. O secretario de cultura de Marabá, José Scherer, destaca que a expectativa é que se receba mais de 10 mil pessoas por dia no evento. “Ano passado foram 80 mil. Pelo trabalho que estamos fazendo esse ano, queremos levar 100 mil pessoas. Isso trás divisas para Marabá. Muita gente vem de fora, tanto escritores, quanto expositores e público. Muita gente renomada vem abrilhantar essa festa”, destaca Scherer.


Todas as vozes

Assim como cada página virada trás diferentes histórias, a feira do livro também dará voz a uma temática distinta em cada dia do evento.  No domingo, dia 22, o tema será Voz dos Atores, passando pela Voz LGBTQIA+ (23), Afro-brasileira (24), Vozes do Imaginário (25), Mulher (26), Indígenas e Originarias (27), Vozes Urbanas (28) e encerrando com a voz dos escritores homenageados (29). A abertura será sábado (21) às 19h30min.

Para garantir que todas essas vozes sejam compreendidas haverá intérprete de libras em todas as palestras e rodas de conversas. Estagiários da Universidade Estadual do Pará (UEPA) e Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará (Unifesspa) auxiliarão as pessoas com deficiência, tanto na acessibilidade, como também na participação durante a programação.

“Buscamos fazer com que a inclusão aconteça de fato. Que participem da programação e não que apenas possam visitar o local. Temos inclusive um mediador das rodas de conversas que é cego. O poeta, José Ferreira. Será um dia muito rico, tanto para ele quanto para nós e todos que participarem”, comenta Evilângela Lima, Coordenadora da Biblioteca Municipal e uma das organizadoras da Festa Literária.

As vozes infantis também farão parte da feira. Em parceria com a Secretaria Municipal de Educação (Semed), alunos da Rede de Ensino Municipal farão visitas à feira. Para elas há o Espaço Imaginário Infantil, aonde acontecerão oficinas e contação de histórias. “Teremos oficina para as crianças de manhã e a tarde haverá a contação de histórias com o pessoal do Marabá Leitura. A Semed tem sido uma parceira muito forte, ativa e dinâmica em toda organização e no desenrolar da feira”, acrescenta Evilângela.

Os professores da Rede Municipal terão ainda acesso ao Cred Livro. Um crédito de 150 reais para ser usada exclusivamente para compra de livro durante a feira.


Escritores marabaenses

Um evento cultural literário deste porte no município também é uma grande oportunidade para fazer ecoar a voz dos artistas da cidade. Airton Souza e Eliane Soares serão os escritores de Marabá homenageados no evento. A escolha deles foi feita através de votação popular realizada pela internet.

“A Feira tem uma importância na nossa vida. É nosso espaço, nosso lugar, para dizer para comunidade de Marabá que existimos. A maioria não conhece nosso trabalho, não conhece a gente. É nesse espaço que estamos lutando para mostrar quem nós somos em um mundo e um universo de livros”, sublinha Airton Souza.

Airton lançará dois livros durante a Festa Literária. O primeiro será no dia 22. “Anotações Para um Esquecido Deus Dentro de Nós” fala sobre saudades, perda e solidão e venceu o premio Literatura e Fechadura, concorrendo com mais de 200 livros a nível nacional. O segundo é voltado ao público juvenil e chama-se “O infinito Inteiro Dentro dos Seus Olhos”. Foi vencedor de quatro prêmios literários e conta a história de uma formiga que espera a mãe que desapareceu do formigueiro, fazendo uma relação com a mãe e a natureza aborta temática da violência, perda e vazio.

 

COMENTE VIA FACEBOOK

Deixe uma resposta