Empresa de fabricação de cimentos vai investir R$160 milhões para implantação em Ananindeua

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Foto: Ascom/CODEC
Foto: Ascom/CODEC

A empresa de fabricação de cimentos Polimix, que já possui unidades em pelo menos 5 municípios paraenses, anunciou um novo investimento estimado em R$160 milhões para a implantação de uma nova fábrica no Estado, mais precisamente em Ananindeua, na Região Metropolitana de Belém. Na ocasião, o secretário Estadual de Desenvolvimento Econômico, Mineração e Energia, Iran Lima, o presidente da Companhia de Desenvolvimento Econômico do Pará (Codec), Lutfala Bitar, e os diretores da empresa, José Antero dos Santos e João Carlos Gonçalves Padilha, celebraram um Protocolo de Intenções para a instalação do empreendimento.

A nova planta da empresa será especializada na fabricação de cimentos portland e deve gerar aproximadamente 80 empregos diretos e 360 indiretos, contemplados pela cadeia logística de distribuição do produto, com uma produção inicial de 1,5 mil toneladas de cimentos por dia, contribuindo para o suprimento da crescente demanda do produto no Estado.

O protocolo estabelece 24 meses para a implantação, além de apoio institucional e análise técnica do projeto por parte dos dois órgãos estaduais junto à Comissão da Política de Incentivos do Pará, que avalia um conjunto de critérios para a concessão de benefícios fiscais a projetos que se proponham a contribuir para a verticalização da produção estadual.

Veja também:  Coronavírus no Pará: 64 casos permanecem em análise, 1 confirmado

Lutfala Bitar, titular da Codec, companhia que administra os Distritos Industriais paraenses, afirmou que o novo empreendimento poderá ser instalado no Distrito de Ananindeua, que dispõe de áreas para investimentos e oferece uma localização estratégica para os negócios. “Temos quatro distritos industriais no Estado que estão aptos para receber investidores e contribuir ainda mais com a geração de empregos, renda e desenvolvimento econômico por todo o Estado”, disse o presidente.

O secretário Iran Lima afirmou que o objetivo do Governo do Pará é atrair investimentos produtivos que verticalizem a produção e que ofereçam um mix de produtos cada vez maior a partir do que é produzido no território estadual, gerando consequentemente mais empregos e renda.

 

Deixe uma resposta

+ Sobre