Edital do concurso de nível médio do MPPA será divulgado este mês de Novembro

Serão preenchidas um total de 15 vagas de nível médio para o cargo de auxiliar de administração

Imagem: Arte Portal Canaã

O procurador-geral de justiça do Estado do Pará, Gilberto Valente Martins, participou nesta sexta-feira (25) do ato de assinatura do edital do VI concurso público para preenchimento de cargos vagos do quadro permanente de servidores efetivos do Ministério Público do Pará.

Serão preenchidas um total de 15 vagas de nível médio para o cargo de auxiliar de administração. As vagas estão distribuídas nos 15 polos da instituição. O concurso, que tem validade de 2 anos prorrogáveis por mais 2, prevê ainda 150 vagas de cadastro reserva as quais serão preenchidas de acordo com a conveniência e disponibilidade financeira da instituição. A publicação do edital está prevista para a primeira quinzena de novembro.

“Esse ato vem atender uma necessidade do órgão visto que alguns servidores se aposentaram. Além disso também houve um crescimento natural da instituição. Inicialmente será feito o preenchimento de 15 cargos de nível médio mas temos a expectativa de nomeação de outros aprovados da lista remanescente”, disse o procurador-geral de justiça, Gilberto Valente Martins.

O salário inicial é de R$ 2.489, 83 mais vantagens legais.  O presidente da Comissão do Concurso, procurador de justiça Raimundo de Mendonça Ribeiro Alves, explica que a realização do certame é uma necessidade imediata do órgão.

“O concurso é uma necessidade imediata da instituição em abrir essas vagas não somente em virtude do crescimento administrativo da atuação do Ministério Público como também para repor o seu quadro de pessoal em razão de falecimentos e de aposentadorias em pontos chaves para atuação do Ministério Público”, disse o procurador.

O concurso terá provas de Múltipla Escolha e Discursiva (Redação) que serão realizadas nos municípios de Abaetetuba, Altamira, Ananindeua, Belém, Breves, Capanema, Castanhal, Itaituba, Marabá, Paragominas, Parauapebas, Redenção, Soure, Santarém e Tucuruí.

O Centro de Extensão, Treinamento e Aperfeiçoamento Profissional (CETAP) é o vencedor da licitação para realização do concurso. A empresa paraense possui 17 anos de experiência no mercado realizando provas de concursos em toda a região norte desde 2002. A presidente da banca examinadora, Luciana Neves Gluck Paul, que participou do ato de assinatura do edital, informou que é a primeira vez que a instituição realiza um concurso para o MPPA.

“A gente trabalha com total transparência a fim de que todos os candidatos que queiram acompanhar o processo tenham certeza de que ele está sendo feito da forma correta. A maior garantia que temos que ter num concurso é garantir a isonomia do tratamento dos candidatos a fim de que todos tenham a mesma oportunidade de alcançar o cargo almejado”, destacou Luciana.

Também participaram do ato de assinatura do edital o chefe de gabinete da Procuradoria-Geral, promotor Aldo de Oliveira Brandão Saife; o coordenador do Centro de Apoio Operacional Cível e membro suplente da Comissão do Concurso, Alexandre Tourinho; a representante do Sindicato dos Servidores do Ministério Público do Estado do Pará (SISEMPPA), Terezinha de Jesus Athayde Costa; e a secretária da Comissão do Concurso, Lorena Brito Câmara.

Texto: Mônica Maia
Assessoria de Comunicação Social

COMENTE VIA FACEBOOK

Deixe uma resposta