Horizonte anuncia financiamento de US$ 325 milhões para desenvolvimento do projeto Araguaia 

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Campanha de Mineração Experimental Foto: Horizonte Minerals

A Horizonte anunciou o financiamento de US$ 325 milhões para desenvolvimento do projeto de níquel Araguaia, em Conceição do Araguaia (PA).

Um consórcio de cinco instituições financeiras internacionais, incluindo BNPP, ING, Mizuho, Natixis e Société Générale, atuará como Mandated Lead Arrangers (‘MLA’s’). O Mandato formal segue a assinatura de um termo de compromisso indicativo e não vinculante (‘Termo de Compromisso’) para uma linha de crédito de até US$325 milhões (a ‘Linha de Crédito’).

Segundo divulgado pela empresa, a execução do Mandato é um marco fundamental no processo de project finance para o desenvolvimento do Araguaia. BNPP, ING, Mizuho, Natixis e Société Générale têm ampla experiência no financiamento de projetos de mineração greenfield e foram escolhidos como Mandated Lead Arrangers devido à sua ampla experiência em financiamento de projetos na América Latina e à capacidade de suas equipes especializadas na indústria de mineração.

O fechamento da operação para obtenção da Linha de Crédito, que tem como alvo o final do ano calendário 2020, permanece sujeito à conclusão de due diligence, em forma e substância, de maneira satisfatória aos MLAs, aprovações finais de crédito e execução da documentação definitiva da Linha de Crédito.

A documentação definitiva da Linha de Crédito incluirá os termos e condições habituais de project finance, bem como um acordo abrangente entre credores. Os desembolsos a serem realizados através da Linha de Crédito estarão sujeitos a condições precedentes habituais a esse tipo de transação.

Jeremy Martin, CEO da Horizonte, comentou, “O mandato de cinco instituições financeiras internacionais, com forte histórico de mineração e metais, para providenciar uma ampla linha de crédito sênior é uma conquista significativa para a Horizonte. Esta linha de crédito cobrirá uma parte significativa do capex pré-produção necessário para completar a construção da Fase 1 do Araguaia. Estamos visando à conclusão do pacote de financiamento para o Projeto até o final de 2020, desde que as restrições relacionadas à pandemia de Covid-19 não causem atrasos adicionais. O nosso objetivo é iniciar a construção no início de 2021.

O interesse de instituições financeiras de primeira linha valida ainda mais o status do Araguaia como um projeto de níquel Tier 1 e será o primeiro dos nossos dois projetos de níquel, 100% próprios, a passar para a fase de construção. Este marco considerável nos aproxima do nosso objetivo de nos tornarmos um produtor de níquel. Nossa expectativa é seguir atualizando o mercado ao longo deste ano sobre o nosso progresso.”

Deixe uma resposta

Leia mais