Procura por aluguel de imóveis cresce em Canaã dos Carajás

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Avenida Weyne Cavalcante - Centro de Canaã dos Carajás / Foto: Jorge CLésio

Uma placa aqui, um anúncio ali ou um post nas redes sociais em grupos de compra e venda em busca de indicações. A procura por aluguel de imóveis em Canaã dos Carajás tem crescido nos últimos meses.

Seja casa ou apartamento de pequenas proporções, os famosos quitinetes, todos estão na lista dos itens mais cobiçados por canaanenses ou migrantes.
A oferta é grande, a procura também, contudo, o que não tem passado despercebido são os preços que estão um tanto quanto salgados. Um kitnet (popularmente falando) de apenas dois cômodos por exemplo, não custa menos que R$ 500,00. E, mesmo com a grande procura, os locadores não estão muito abertos a negociações.

“Eu precisava de um lugar para morar, procurei muito e o único que achei e que era mais perto do meu trabalho foi um de R$ 500,00. O local é do tamanho de um ovo mas como aqui é tudo caro, não tive muita escolha, mas confesso que acho um absurdo”, disse a recepcionista Ana Gabrielly.

A busca por compra de imóveis também está em alta e um dos motivos são os contratos vigentes de empresas terceirizadas.

“Hoje nós estamos com uma demanda muito grande de aluguel e o mercado de compra e venda também está bem aquecido. De Cada dez clientes que me procuram, sete acabam comprando o imóvel. Três deles têm interesse em comprar à vista o restante é financiado. O IGP-M (Índice Geral de Preço de Mercado ) fechou dezembro em 23,14%, isso não acontecia desde 2001, e, quando a gente vai aplicar esse valor nas correções do contrato, os aluguéis tendem a ficar em um preço bem acima, portanto, a pessoa prefere fazer a aquisição do imóvel do que ficar pagando aluguel”, explicou Guilherme Dias, corretor de imóveis.

Guilherme também traçou um perfil dos clientes que tem atendido nos meses recentes em Canaã. “Tem cliente que é investidor, que visa comprar um imóvel pela rentabilidade do aluguel que está hoje, e tem os que querem adquirir a casa própria que tem sido maior dos que os que procuram por aluguel.

A retomada de empregos na Terra Prometida é um dos fatores que têm contribuído para impulsionar as locações.

“A Vale e suas terceirizadas e as obras da prefeitura têm gerado muito emprego e isso tem feito com que a procura fique ainda bem melhor”, finalizou o corretor.

Deixe uma resposta

Leia mais