Grupo ligado a extração clandestina de Manganês tentou ocupar instalações do Serra Leste; diz Vale


Foto: Reprodução/Vale

A mineradora Vale divulgou na manhã desta sexta-feira (16), a tentativa de ocupação do projeto Serra Leste, instalado no município de Curionópolis, a 550 km da capital Belém, inserido na Província Mineral de Carajás.

Confira a nota da mineradora Vale na integra.

Um grupo ligado à exploração ilegal de manganês tentou por três vezes ocupar e vandalizar instalações de Serra Leste, unidade da Vale em Curionópolis (PA), na noite de ontem (15/11). A ação criminosa ocorreu em represália à operação da Polícia Federal contra a atividade ilegal na região. O grupo tentou invadir a área utilizando um caminhão e lançou foguetes e rojões contra as equipes da empresa. As tentativas foram neutralizadas pela segurança da Vale. A Policia Militar foi acionada.

A Vale reforça que repudia atos de violência e que já adotou as medidas judiciais cabíveis. A Justiça deferiu liminar, que determina distância mínima de 2km das áreas da empresa, sob pena de multa diária de R$ 5 mil em caso de descumprimento. O acesso permanece interditado.

COMENTAR COM FACEBOOK