Categoria: Canaã Dos Carajás

Polêmica: Jeová é chamado de ‘Demônio’ por pastor e repudia declarações

Neste sábado(19) circulou nas redes sociais um vídeo de um pastor, por nome Carlos Eduardo, fazendo críticas a dois vereadores de Canaã dos Carajás, Dionísio e João Nunes, por terem se aliado ao grupo de Jeová Andrade, do MDB, que defende Josemira Gadelha para sucessão, que segundo o pastor, ao estarem aliados ao PT, não podem receber votos de cristãos. O pastor também fez um trocadilho chamando Jeová de Demônio.

Você sabe o que é o PT? PT é que aceita casamento entre homossexual, é a favor do aborto. Essa turma aí que é do PT, é do MDB também… É tudo farinha do mesmo saco.

Nas críticas aos vereadores, o Pastor chegou a dizer:

Estão todos do lado do Jeová, que de Jeová não tem nada, é o demônio.

Tomando conhecimento, o prefeito, Jeová Andrade, emitiu a seguinte nota de repúdio:

O prefeito de Canaã dos Carajás, Jeová Andrade, vem a público repudiar as declarações do pastor Carlos Eduardo, que esteve recentemente como preletor em um congresso aqui em Canaã dos Carajás, o qual, por meio de suas redes sociais, atacou, neste sábado (19), não apenas ao prefeito, mas também aos vereadores João Nunes e Dionísio, com insinuações mentirosas e claramente ligadas a interesses políticos.

É de conhecimento público que o pastor Carlos Eduardo está descontente com os vereadores João Nunes e Dionísio, por estes últimos estarem declarando apoio à pré-candidatura de Josemira Gadelha e Zito à prefeitura de Canaã dos Carajás.

Como homem que se diz servo do Senhor, o pastor Carlos Eduardo joga por terra muitos dos ensinamentos que a palavra de Deus nos traz, como o de respeitar o próximo e de não levantar falso testemunho. É lamentável que use o seu tempo e a fé das pessoas para se prestar a esse tipo de jogo sujo e imoral.

O prefeito Jeová Andrade ressalta que seguirá até o final do mandato realizando o seu trabalho de maneira transparente e honesta, sempre no intuito de oferecer o melhor à população de Canaã dos Carajás e que calúnias como essas não o impedirão de cumprir com as suas obrigações como gestor e homem público.

Confira o Vídeo do Pastor na Íntegra:

Veja os comentários

Compartilhar
Por
Jorge Clésio