Moradores da Vila Nova Jerusalém interditam PA 160

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

O Portal Canaã esteve em cobertura especial durante a interdição da PA-160 por morados da Vila Nova Jerusalém, que reivindicavam melhorias para a comunidade.

Genilton Castro Oliveira, presidente da Associação dos Assentados do Assentamento Nova Jerusalém, no município de Canaã dos Carajás, fala que as mais de 300 pessoas que interditam, desde as 22 horas de ontem (21), trecho da PA-160 próximo à Vila Planalto (45), na altura da entrada pra o Projeto S11D clamam por Educação de qualidade.

Conforme informou Raimundo conhecido como (Santa Inês), desde 2013 os moradores daquela localidade, sem avanços, debatem com a Mineradora Vale e a Prefeitura de Canaã dos Carajás melhorias nas condições de vida dos moradores da vila. Eles reivindicam, principalmente:

  1. a construção de uma rotatória na entrada do assentamento, onde três pessoas já morreram em acidentes;
  2. uma escola, já que a que existe atualmente é de madeira coberta com palha;
  3. um poço artesiano com caixa d´agua de 20 mil litros;
  4. a legalização do assentamento;
  5. 10 km de asfalto prometidos pela Prefeitura de Canaã dos Carajás;
  6. término das obras das vicinais já iniciadas;
  7. um Posto de Saúde,
  8. uma creche;
  9. energia elétrica;
  10. e represas nos lotes dos assentados prometidas pela Prefeitura Municipal de Canaã dos carajás.
  Após LockDown, Prefeita apresenta resultados positivos em Canaã dos Carajás

Conforme verificamos in loco, as condições da escola construída de madeira, que já está apodrecida, coberta de palha, carteiras velhas e quebradas, o banheiro sem condições algum de uso e a fossa a céu aberto, essas são algumas das mazelas constatadas pela nossa equipe de reportagem.


Em contato com a Assessoria de Comunicação da prefeitura de Canaã, foi informado via telefone que o prefeito Jeová Andrade ficou surpreso com a interdição, já que, segundo a Ascom, a prefeitura do município já recuperou 40 km de vicinais naquele assentamento, mantém convênio com os assentados em projetos de piscicultura e criação de galinhas; mantém, há mais de 90 dias,um trator de esteira no assentamento fazendo a recuperação do solo; está licitando uma escola com oito salas de aula e mantém o transporte regular aos alunos do ensino médio. A Ascom afirmou ainda que não houve por parte da PMCC a promessa de 10 km de asfalto no assentamento e que os assentados do Nova Jerusalém jamais ficaram desassistidos. A Ascom reiterou, ainda, que a PMCC está aberta ao diálogo e que fará o possível para que a relação com os assentados continue em clima amistoso.

Já no final da manhã, a policia civil e militar compareceram ao local para ouvir os moradores e propuseram dialogar com a comissão da manifestação, representantes da VALE e Prefeitura de Canaã dos Carajás no local Agência Canaã a partir das 13:00 horas, ficando acertado que após a reunião seria liberada a via.

  Josemira Gadelha realiza live de 100 dias de governo nesta quarta-feira (14)

No final da tarde entraram no consenso e a PA 160 foi liberada.

 

Abaixo imagens da manifestação:

Redação do Portal Canaã, Reportagem/Fotos: Pedro Reis

Deixe uma resposta

Leia mais

Royalties recebidos em 2021