INCÊNDIO: Criança de 10 anos salva irmãos da morte em Canaã dos Carajás – Portal Canaã

INCÊNDIO: Criança de 10 anos salva irmãos da morte em Canaã dos Carajás

Casa em que os três irmãos, de família carente, estavam sozinhos pegou fogo e a menina fugiu pelo telhado com a irmã de colo. Vizinhança apagou as chamas da residência e evitou que o pior acontecesse. A família vive de um aluguel social.

No final da tarde deste domingo (10), por volta das 18h, uma tragédia sem precedentes em Canaã dos Carajás foi evitada por uma criança de 10 anos. O caso aconteceu na rua Minas Gerais, bairro Novo Brasil, quando três irmãos estavam sozinhos em casa enquanto sua mãe, responsável única pelo sustento da família estava no trabalho.

Ingrid, que é a mais velha entre os três, percebeu que a casa estava pegando fogo e utilizou o beliche para alcançar o telhado, retirar algumas telhas e fugir para cima da casa. De lá, a menina gritou por ajuda. O detalhe impressionante é que Ingrid fez essa jornada com a irmão, que é apenas um bebê de colo, em seus braços.

Percebendo o desespero da menina e o avanço das chamas na residência, moradores da vizinhança se reuniram e correram até o local para evitar que o pior acontecesse. Os interventores foram obrigados a derrubar o portão e a porta da casa. Lá dentro, as chamas já estavam altas e somente o esforço conjunto conseguiu evitar que uma tragédia acontecesse.

Os bombeiros foram acionados e se deslocaram até o local no socorro às vítimas. Felizmente, os três irmãos conseguiram sair ilesos do ocorrido. O Conselho Tutelar foi acionado para verificar a situação.

A principal suspeita é que o fogo tenha começado por meio de uma brincadeira entre as três crianças, conforme explicou o sargento Cortês do Corpo de Bombeiros. “As informações são de que as crianças estavam brincando com o colchão, papéis ali na sala e acabaram ateando fogo no colchão. Foi uma intervenção precisa da vizinhança que controlou as chamas, fez o contato conosco e conseguiu evitar o pior. É bom sempre dizer que o cuidado com as crianças precisa ser redobrado, pois nunca se sabe o que pode acontecer” finalizou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.