Em live, Josemira Gadelha defende mais creches, delegacia e secretaria da mulher em Canaã dos Carajás

O tema do encontro foi "A mulher na Sociedade e na Política"
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Josemira dialoga com as convidadas sobre inclusão das mulheres

Josemira Gadelha (mdb) realizou nesta quinta-feira(23) sua sexta live. Desta vez o encontro teve o tema “A mulher na Sociedade e na Política”. Estiveram com Josemira, Verônica Bezerra, advogada e vice-presidente da OAB Canaã e, Maria Juciária de Sousa, coordenadora do programa  economia solidária onde debateram temas diversos da sociedade.

Ao iniciar, Josemira lembrou da influencia e incentivo de seu pai, pelo o que ela é hoje.

“Meu pai que me incentivou a tudo,  que acreditava em tudo. Eu tenho um pai que, de fato é determinista, que sempre lutou pela igualdade de condições e que sempre me defendeu.”

Um dos primeiros pontos levantado por Josemira foi a diferenciação de salários, tratamentos e quantitativos das mulheres perante os homens, na sociedade. Onde explicaram os motivos e origens dessas diferenças.

Segundo Josemira “A diferença está nas políticas públicas” e que “nós precisamos avançar

“Isso é uma questão de construção história e cultural”, explicou Verônica.

Sobre o trabalho e o dia-a-dia das mulheres Canaãnenses, Josemira se comprometeu em criar mais creches.

“A gente precisa ter mais creches. As mulheres precisam trabalhar e precisam ter esse espaço para deixar seus filhos. Isso é uma das minhas propostas para plano de governo.”

“Eu quero muito oportunizar um modelo de cidade em que homens e mulheres tenha ma mesma participação, eu quero trabalhar e vou trabalhar, chegando na prefeitura, por essa igualdade. Uma cidade inclusiva onde todos possam participar, com igualdade de condições e de salários.”

Sobre órgãos representativos da mulher no município, Josemira defende a implantação de uma delegacia e secretaria da mulher.

“Eu me coloquei a disposição pra essa candidatura, com essa proposta: em Canaã dos Carajás nós precisamos ter uma delegacia da mulher, uma secretaria da mulher. Nós precisamos abrigar e oportunizar”, disse Josemira

Sobre sua decisão de ser pre-candidata a Prefeita, Josemira expõe suas razões e responde uma internauta sobre o rompimento de paradigmas no espaço de poder.

“Eu sempre estive a frente, sempre forcei um espaço, como estou me colocando agora como pré-candidata. Nós sabemos que quando a mulher passa pelo política, ela não só rompe algumas barreiras, mas ele deixa uma história, um marco. A participação da mulher ela transforma a sociedade”,  enfatizou Josemira.

Confira aqui a transmissão na íntegra. Até o fechamento desta matéria, mais de 9 mil pessoas já havia assistido a transmissão.

“A agricultura de Canaã é uma agricultura abandonada”, diz Jean Carlos em sua 1ª live

Deixe uma resposta

+ Sobre