Convênio da Secretaria de Trânsito e Detran devem coibir a Criminalidade em Canaã dos Carajás


A Secretaria Municipal de Trânsito e Transporte de Canaã firmou um convênio de reciprocidade com o Departamento de Trânsito do Pará (Detran-PA), onde os agentes municipais agora poderão fiscalizar e autuar irregularidades com a falta Carteira Nacional de Habilitação, documentos do veículo, falta e Placa no veículo e a ingestão de álcool por condutores.

A notícia foi dada hoje em Coletiva com toda a imprensa municipal, na ocasião, os agentes de trânsito responderam às perguntas e fizeram uma explanação sobre as novidades na fiscalização do tráfego no município. Conforme a explicação do agente Hélio, o órgão poderá atuar, de acordo com artigo 21, no âmbito das rodovias do município, ou seja, autuar, fiscalizar e promover um trânsito mais seguro em estradas, como a PA-160, que interliga Canaã a Parauapebas, dentro das fronteiras da Terra Prometida.

Questionados sobre os motivos e carência de ser ter esse convênio, os agentes responderam que são principalmente os “veículos sem placas”, que muitas vezes são utilizados para praticarem crimes na cidade, condutores sem autorização para dirigir e menores de idade conduzindo veículos de forma irregular.

Com isso, os 15 agentes que hoje atendem Canaã dos Carajás, terão poderes para autuarem, recolher o veículo e tomar as medias cabíveis que antes não era possível, pois apenas o Detran tinha a autonomia. A órgão pode atuar em toda a área do município, pode até, atender acidentes da PA-160.

A previsão inicial é que os 30 dias sejam de orientação aos condutores. “Esse é um período necessário para a adequação, mesmo que as pessoas já conheçam as leis, é preciso desse tempo para que haja orientação. No entanto, há casos em que as autuações serão necessárias, como, por exemplo, um condutor dirigindo sob efeito de álcool” explicou o agente Welinton Leão.

O convênio durará 2 anos e pode ser estendido. O Settran inicia nesta semana o projeto Educação no Trânsito que vai levar a repartições públicas, associações e instituições privadas as novas atribuições da entidade.

Jorge Clésio/ Redação/Portal Canaã

COMENTE VIA FACEBOOK

Sem opiniões

Escreva:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *