Com show de Toni Garrido, prefeitura encerra Flacc e Semana da Consciência Negra

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

O grande show do artista Toni Garrido encerrou, na noite deste sábado (20) a programação da prefeitura de Canaã dos Carajás da Semana da Consciência Negra e também a 2ª edição do Festival Literário, Artístico e Cultural (Flacc). Os eventos foram organizados pela Fundação de Cultura, Esporte e Lazer (Funcel) e pela Secretaria Municipal de Educação. Toni Garrido cantou sucessos da banda em que é vocalista, Cidade Negra, além de canções consagradas pelo público de artistas como Tim Maia, Marina Lima e Lulu Santos.

Foram cinco dias de programação, realizada no espaço de eventos do município, no Bairro Ouro Preto, que contou com oficinas, atividades culturais e teve a presença de autores e escritores de todo o país. Neste sábado, a programação contou ainda com batalhas de Mcs, B-boys e B-girls, e concurso de miss e mister Consciência Negra.

“Foi um desafio realizarmos esse evento, planejado durante o período de pandemia, e quero agradecer a todos que contribuíram para que essa programação ocorresse”, afirmou a secretária municipal de Educação, Roselma Milani.

Homenagens

No palco do evento, ela homenageou todas as vítimas de Covid no município, em nome do professor Graziani Medina, que atuava na rede municipal e foi uma das vítimas da doença. Foi exibido um vídeo em homenagem a ele e entregue a medalha que leva o nome do professor, criada para agraciar quem trabalha pela educação em Canaã. Os dois primeiros a serem agraciados com a medalha foram o ex-prefeito, Jeová Andrade, e a família do professor.

  Empresa seleciona profissionais para trabalhar em Canaã e Parauapebas

A professora Elone Fleck, da rede municipal, que é autora do livro “A minhoca Garibalda”, também foi homenageada com a entrega do troféu Arara Azul, que também será entregue todos os anos para autores de Canaã.

A prefeita Josemira Gadelha garantiu que deseja que o Festival “seja cada vez maior”, chamando atenção da população para a leitura e a cultura. “Vamos seguir, aprender e contribuir para que nossa cidade seja sempre maior, mais rica culturalmente e mais bonita”, disse.

Deixe uma resposta

Leia mais