Bolsonaro anuncia a prorrogação do Auxílio Emergencial por dois meses

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Dinheiro - Foto: Jorge Clésio

O Governo Federal anunciou mais duas parcelas do Auxílio Emergencial no valor de R$ 600. O decreto que prorroga o benefício por mais dois meses foi assinado nesta terça-feira (30) pelo presidente da República, Jair Bolsonaro.

O auxílio é destinado aos trabalhadores informais, microempreendedores individuais (MEI), autônomos e desempregados, e tem, por objetivo, fornecer proteção emergencial neste período de pandemia de Covid-19.

A previsão inicial era que o Auxílio Emergencial fosse pago no valor mensal de R$ 600 pelo período de três meses. Mas segundo a Secretaria Geral da Presidência da República, como o prazo de pagamento está chegando próximo ao fim, sem que tenha ocorrido a reabertura plena das atividades e do comércio pelos estados e municípios, foi necessário a prorrogação do auxílio que tem colaborado na manutenção da renda dos brasileiros, por mais dois meses.

As primeiras três parcelas do Auxílio Emergencial são de R$ 600; mas, para a as famílias em que a mulher seja a única responsável pelas despesas da casa, o valor pago mensalmente é de R$ 1.200.

É o caso da estudante de Veterinária, Juliana de Andrade Milano, de 33 anos, que cuida sozinha de seu filho de quatro anos. Desempregada, ela contou que ficou muito feliz em saber que o benefício será prorrogado. “Eu fiquei bem contente, bem satisfeita em saber que vai ser prorrogado”, disse. Segundo ela, o benefício tem ajudado a pagar as contas pois ainda não conseguiu voltar ao mercado de trabalho. “Isso vai nos ajudar muito. E eu espero que essa pandemia, isso tudo passe logo, pra que a gente volte ao mercado de trabalho e para que tudo se normalize”.

 

Deixe uma resposta

+ Sobre