Plataforma Jornada Amazônia abre inscrições para programas de estímulo ao empreendedorismo inovador na região

Gêneses reúne potenciais empreendedores da região Amazônica | Foto: Divulgação

A Plataforma Jornada Amazônia está com inscrições abertas para dois programas que têm o objetivo de estimular o empreendedorismo inovador na região da Amazônia Legal. São eles: O Gênese, que pretende despertar talentos empreendedores da região e estimular a pesquisa orientada a produtos e soluções de impacto; e o Sinapse da Bioeconomia, que tem a meta de selecionar ideias inovadoras e originar até 70 novos negócios na Amazônia. O Sinapse Bio, vai injetar até R$ 4,9 milhões no ecossistema de inovação amazônico, com recursos não-reembolsáveis no valor de R$ 70 mil, sendo oferecidos para cada uma das até 70 propostas de negócios.

Os dois programas são voltados a diferentes etapas da jornada de empreendedorismo: o Gênese busca despertar novos talentos da região e inseri-los nos temas de empreendedorismo, bioeconomia e inovação, em uma capacitação dinâmica e online com uma proposta gamificada. Já o Sinapse da Bioeconomia tem como etapa obrigatória a criação de novos negócios na área da bioeconomia na região amazônica. Mais informações sobre prazos e critérios de inscrição podem ser acessadas nos sites: genese.jornadaamazonia.org.br e sinapse.jornadaamazonia.org.br.

O Gênese e o Sinapse Bio fazem parte da Plataforma Jornada Amazônia, projeto que busca apoiar a criação de um pipeline de startups inovadoras para impulsionar o empreendedorismo, estabelecer e qualificar conexões com o mercado, e fortalecer o ecossistema de inovação e impacto positivo na região. Coordenada e executada pela Fundação CERTI e pelo Instituto CERTI Amazônia, a Plataforma tem a coparticipação e investimentos do Bradesco, Fundo Vale, Itaú Unibanco e Santander.

Até 2025, a Plataforma pretende mobilizar 20 mil talentos empreendedores, criar 200 novas startups de impacto, qualificar 100 empresas, e investir nas 30 startups mais promissoras. O projeto também busca conectar e dinamizar os ecossistemas de inovação da região amazônica e potencializar a competitividade da floresta em pé por meio do empreendedorismo inovador sustentável.

Não é necessário já ter participado do Gênese para se inscrever no Sinapse da Bioeconomia – os dois programas são complementares, e ambas as capacitações podem, inclusive, ser feitas ao mesmo tempo. “Aqueles que já têm uma ideia inovadora podem utilizar o Gênese para aprimorar essa ideia, montar uma equipe e se preparar para participar do Sinapse Bio, que irá dar todas as ferramentas para abrir o negócio”, exemplifica o diretor do Centro de Economia Verde da Fundação CERTI, Marcos Da-ré.

Receba as notícias do Portal Canaã

Siga nosso perfil no Google News

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *