PF combate fraudes na cobrança de royalties na prefeitura de Parauapebas

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

A Polícia Federal realiza nesta terça-feira (23/10) a Operação Nibelungo, com o objetivo de desarticular grupo político que se beneficiava de fraudes na cobrança de royalties da exploração mineral pertencente ao município de Parauapebas. Os policiais federais cumprem cinco mandados de busca e apreensão, expedidos pelo Superior Tribunal de Justiça – STJ.

Além do núcleo político, responsável pela contratação de escritórios de advocacia, os policiais identificaram a presença de ao menos três grandes núcleos: o núcleo captador, formado pelo Diretor do DNPM e sua mulher, que atuava na captação de prefeitos interessados em ingressar no esquema; o núcleo operacional, composto por escritórios de advocacia e uma empresa de consultoria em nome da esposa do Diretor do DNPM, que repassava valores indevidos a agentes públicos e o núcleo colaborador, que se responsabilizava por auxiliar na ocultação e dissimulação do dinheiro.

As investigações apontam para a participação de um Conselheiro do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM/PA) em contrato fraudulento firmado entre o município de Parauapebas, e um dos escritórios de advocacia comandados pela quadrilha.

O STJ determinou o afastamento cautelar do Conselheiro de suas funções junto ao TCM-PA, bem como sequestro de seus bens e dos demais envolvidos até o montante apurado pela PF.

  Onça-pintada: Parque Zoobotânico Vale tem novo residente

O nome da operação é referência à mitologia nórdica. Os nibelungos eram os senhores das riquezas subterrâneas e de tal forma obcecados por se tornarem cada vez mais ricos, que esse pensamento insaciável e desmedido os conduziu à perda de tudo e à própria destruição.

Portal Canaã com informações da Polícia Federal



 

 

Já sabe quem são os candidatos do seu estado pra eleições 2022?

AC AL  AM  AP  BA  BRASIL  CE  DF  ES  GO  MA  MG  MS  MT  PA  PB  PE  PI  PR  RJ  RN  RO  RR  RS  SC  SE  SP  TO 

Deixe uma resposta

Ofertas