Quinze mil paraenses protestam contra a corrupção em Belém

Como acontece tradicionalmente os paraenses aderiram às manifestações nacionais contra a corrupção e a favor da operação Lava Jato, da Polícia Federal. No estado a manifestação acontece em quatro municípios, neste domingo (13): Belém, Muaná, Redenção e Santarém. Só na capital a estimativa dos organizadores do movimento popular Vem Pra Rua era de participação de 80 mil pessoas, mas ao longo do ato esse número foi corrigido para 15 mil participantes. A Polícia Militar ainda não divulgou a estimativa de participantes. Pelo País, estão programadas manifestações a favor do impeachment da presidente Dilma em 415 cidades, segundo o movimento Vem pra Rua. Manifestação acontece em 14 estados mais o Distrito Federal.

A manifestação começou por volta das 9h da manhã, saindo da Escadinha da Estação das Docas e segue pelas ruas do centro da capital, com destino à Avenida Visconde de Sousa Franco (Doca).

Para a realização do evento a organização prepararou uma infraestrutura especial. “A primeira providência nossa quanto à organização é tentar manter a segurança total. A gente tem muita confiança nos órgãos responsáveis, porque vão famílias, crianças pequenas, idosos, pais com filhos nos seus carrinhos, então a gente precisa dessa estrutura”, afirmou Márcia Sarkis, coordenadora regional do movimento popular Vem pra Rua.

Segundo ela, a exemplo dos anteriores, o ato tem o apoio da Polícia Militar, Guarda Municipal, Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana (Semob), Departamento de Trânsito do Estado do Pará (Detran) e Corpo de Bombeiros. “Há todo um aparato. Sempre tivemos isso”, declarou.

Segurança- Os órgãos de segurança montaram um esquema de acompanhamento da manifestação, segundo explica o Coronel Dilson Júnior.  “Estamos com 550 policiais militares e mais 150 agentes dos órgãos de segurança pública, seja da Guarda Municipal, Detran, Polícia Civil, Semob, que estão todos mobilizados para que a gente tenha uma manifestação tranquila como foram as outras que nós tivemos no ano passado. O policiamento é diferenciado focado na prevenção’, explica.

Segundo a PM até o momento a caminhada segue tranquila, sem nenhum registro de violência ou confronto.

Fonte: ORM

Receba as notícias do Portal Canaã

Siga nosso perfil no Google News

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *