Mineradora Vale inova ao produzir areia sustentável que reduz a geração de rejeitos

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram
Reprodução / YouTube Vale

Unindo inovação, sustentabilidade e benefícios para sociedade, a Vale realizou investimentos na ordem de R$ 50 milhões no desenvolvimento de uma areia produzida a partir de adequações na operação de minério de ferro no Estado de Minas Gerais. O material arenoso, anteriormente descartado em pilhas e barragens, é processado e transformado em produto, seguindo os mesmos controles de qualidade da produção de minério de ferro.

Após sete anos de pesquisa, a Areia Vale chega à indústria da construção civil como uma alternativa 100% legal e eficiente para uso em cimento, pré-moldados em concreto, blocos intertravados, pavimentação, entre outros. De acordo com Marcello Spinelli, vice-presidente executivo de Ferrosos da Vale, o produto é resultado de práticas operacionais mais sustentáveis.

O que antes era rejeito, agora, retorna para um novo tratamento e torna-se um produto com alto teor de sílica e baixo teor de ferro.

Por tratar-se de um processamento essencialmente físico, a areia não apresenta toxidade, visto que não sofre alteração na composição dos materiais. Outro ponto positivo para a constr​ução civil é que o produto apresenta alta uniformidade química e granulométrica.

Um dos grandes diferenciais da Areia Vale é contribuir para a economia circular, visto que, o material que era destinado às barragens em forma de rejeito, retorna para a sociedade como uma alternativa para um produto que sofre com a extração predatória.

  Mineradora Ligga inicia atividades em Parauapebas

 



 

 

Já sabe quem são os candidatos do seu estado pra eleições 2022?

AC AL  AM  AP  BA  BRASIL  CE  DF  ES  GO  MA  MG  MS  MT  PA  PB  PE  PI  PR  RJ  RN  RO  RR  RS  SC  SE  SP  TO 

Deixe uma resposta

Ofertas