Energia solar representará 4% da potência total até 2024

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

Atualmente, matriz responde por 0,02% da potência elétrica brasileira.

A geração de energia elétrica fotovoltaica, ou seja, pelos raios do sol, alcançará 7 mil megawatts (MW) no Brasil até 2024. Atualmente, a fonte é responsável por 0,02% da potência elétrica do País. Os dados constam no Plano Decenal de Energia Elétrica 2024 (PDE 2024), que está em processo de consulta pública conduzida pelo Ministério de Minas e Energia (MME). Segundo o planejamento para a próxima década, a potência instalada de eletricidade a partir do sol representará quase 4% da potência total brasileira de 2024.

Um significativo potencial de oferta de energia proveniente de recursos renováveis é previsto no período de 10 anos. A participação da fonte solar somada à energia eólica, biomassa e das Pequenas Centrais Hidrelétricas (PCHs) deve corresponder 28% na matriz de capacidade instalada de energia elétrica em 2024. Atualmente, esse conjunto de fontes corresponde a uma parcela de 17% na mesma matriz. As quatro modalidades deverão alcançar potência instalada próxima de 60 GW, quase três vezes a potência de 2014, com 22 GW.

As hidrelétricas (com exceção das Pequenas Centrais Hidrelétricas, as PCHs) deverão prover 111 GW da matriz elétrica, ou 53% da potência total. Já a fonte eólica, com potência estimada de 24 GW em 2024, deverá representar 11,5% do total e será a segunda maior potência instalada de renováveis, superando os 19 GW previstos para biomassa. Ao somar as outras fontes renováveis, 81% da matriz elétrica de 2024 serão compostas pela hidroeletricidade e fontes como a eólica, solar, biomassa e as PCHs, segundo o PDE.

Geração distribuída

A estimativa para a expansão da geração de energia elétrica pela modalidade distribuída em diversas fontes, energia gerada pelos próprios consumidores, é de 7% em média ao ano até 2024. Em 2014, a parcela da autoprodução representou cerca de 10% do consumo total de eletricidade do País, ou 52 TWh (terawatt/hora), e passará para quase 13% ao final desse horizonte, ou cerca de 100 TWh.

Há projeção ainda para que a energia solar distribuída, instalada em residências e no comércio, alcance 1,6 TWh em 2024, o que representará 1,6% do total da geração distribuída, ou 0,2% da oferta total de energia elétrica de 2024.

Esse mecanismo de produção é uma das alternativas mais eficientes e objeto de iniciativas do governo para que se amplie. O montante da geração distribuída de 100 TWh em 2024 é equivalente ao recorde da geração de Itaipu, de 98,6 TWh, verificado em 2013.

Fonte: Portal Brasil, com informações do MME



 

 

Já sabe quem são os candidatos do seu estado pra eleições 2022?

AC AL  AM  AP  BA  BRASIL  CE  DF  ES  GO  MA  MG  MS  MT  PA  PB  PE  PI  PR  RJ  RN  RO  RR  RS  SC  SE  SP  TO 

Uma resposta em “Energia solar representará 4% da potência total até 2024”

Deixe uma resposta

Ofertas