A ‘Constituição’ será a nova disciplina nas escolas de ensino fundamental e médio

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

Um dia após a nossa Constituição Federal de 1988 completar 27 anos de promulgada, o Senado Federal aprovou o Projeto de Lei 70/2015, que institui o ensino do conteúdo da CF/88 nas escolas de ensino fundamental e médio.

O projeto é de autoria do senador e ex-jogador de futebol, Romário Faria (PSB), e altera a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDBEN), incluindo a disciplina “Constitucional” no currículo escolar. A proposta é que seja  incluído também o ensino dos direitos das crianças e dos adolescentes.

Para o advogado Berto Igor Caballero, Especialista e Mestre em Direito Constitucional, a proposta é absolutamente louvável e salutar para as escolas brasileiras, porque a Constituição elenca os direitos fundamentais a todos.

Para ele, a abordagem dos conteúdos deve ser mais didática e mais voltada para as situações do dia a dia das pessoas. “Feita desta forma, os estudantes, já sairão da escola tendo conhecimento dos seus principais direitos e deveres, e, sobretudo, tendo ciência da importância de preservar a Constituição”, acrescenta.

O professor Marcelo Gouveia, diretor de uma escola pública estadual de Ensino Fundamental e Médio, também aprova a proposta. Ele estuda Direito Constitucional e de outras áreas jurídicas para concursos, e acredita que já seja mais que necessário os  alunos desses níveis de ensino tenham acesso a esses conhecimentos. “A Constituição engloba muitas áreas, e é uma forma de se conhecer nossos direitos. Acho até que poderia incluir também um pouco de Direito Penal e Civil,opina.

 

Porta Canaã, com informações do CapitalTeresina



 

 

Já sabe quem são os candidatos do seu estado pra eleições 2022?

AC AL  AM  AP  BA  BRASIL  CE  DF  ES  GO  MA  MG  MS  MT  PA  PB  PE  PI  PR  RJ  RN  RO  RR  RS  SC  SE  SP  TO 

Deixe uma resposta

Ofertas