Mostra “A Cinemateca é Brasileira” chega ao município de Canaã dos Carajás

Apresentando clássicos do início da cinematografia brasileira a sucessos de bilheteria nacional, a mostra e exposição itinerante “A Cinemateca é Brasileira”, que já percorreu diversas cidades do Brasil, chega à Casa da Cultura de Canaã dos Carajás. A programação inicia nesta terça-feira, dia 28 de novembro, e segue até o dia 8 de dezembro, sexta-feira, no horário das 14h às 21h.

Com o patrocínio do Instituto Cultural Vale, o ciclo de cinema envolverá realizadores amazônicos e oficinas, reafirmando que a Cinemateca é brasileira e, também, da Amazônia. Além da exibição de diversos títulos do acervo da instituição, consta na programação um encontro aberto com a comunidade, mediado por representante da Cinemateca que falará sobre a história da instituição e a produção nacional.

O evento é para toda a comunidade, com entrada gratuita, e para mais informações sobre a programação, as pessoas interessadas podem ligar ou enviar mensagem para o número (94) 99220-3451. A Casa da Cultura de Canaã dos Carajás está localizada na Rua das Esmeraldas, 141, bairro Jardim das Palmeiras.

Confira a programação de filmes

28/11 (terça-feira): “Cabra Marcado para Morrer”, às 14h; “Ilha das Flores”, às 17h; A Hora da Estrela”, às 19h.

29/11 (quarta-feira): “Cidade de Deus”, às 16h; “Marte 1”, às 19h.

30/11 (quinta-feira): “Central do Brasil”, às 16h; “Bacurau”, às 19h.

5/12 (terça-feira): “São Paulo: a Sinfonia da Metrópole”, às 14h; “Limite”, às 16h; e “Carnaval Atlântida”, às 19h.

6/12 (quarta-feira): “O Cangaceiro”, às 14h; “Jeca Tatu”, às 16h; e “Cinco Vezes Favela”, às 18h.

7/12 (quinta-feira): “O Pagador de Promessas”, às 14h; “Deus e o Diabo na Terra do Sol”, às 16h; e “À Meia-Noite Levarei Sua Alma”, às 19h.

8/12 (sexta-feira): “O Bandido da Luz Vermelha”, às 14h; “Macunaíma”, às 16h; e “Dona Flor e Seus Dois Maridos”, às 19h.

Sobre a “Cinemateca é Brasileira”

A Cinemateca possui o maior acervo audiovisual da América do Sul e está entre as maiores instituições do gênero no mundo. Sua coleção tem cerca de 40 mil títulos e mais de 1 milhão de documentos – entre cartazes, roteiros e livros. Sua principal função é preservar a memória da produção audiovisual brasileira. Há 75 anos, a Cinemateca conserva e recupera os filmes produzidos no país. Outro importante objetivo da instituição é a difusão do cinema.

Receba as notícias do Portal Canaã

Siga nosso perfil no Google News

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *