Rosileide de Castro, conhecida como Rosinha, é empregada da Vale há seis anos, conquista que para ela representa uma vitória pessoal e a oportunidade de realização de outros sonhos. Entre eles estão a casa em construção, o carro na garagem e, acima de tudo, o conforto que pode dar aos três filhos: “A minha família é muito importante e eu faço tudo que faço em prol do pensamento de dar uma estabilidade pra minha família”, orgulha-se.

Moradora de Curionópolis, Rosinha tem graduação em Pedagogia e pós-graduação em Psicopedagogia e atuou como educadora infantil por uma década. Mas o sonho de trabalhar na Vale falou mais alto: “Desde quando eu tinha meus 12 anos que eu tinha vontade de entrar na empresa”, lembra. Hoje ela é empregada na mina de Serra Leste, empreendimento da Vale na cidade.

A oportunidade que ela tanto esperava surgiu em 2008, quando se inscreveu no Programa de Trainee da mineradora e participou de uma turma de formação profissional orientada pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai). Na primeira etapa, foram quatro meses de aulas teóricas voltadas às atividades no setor de mineração. Em 2010, foi chamada para concluir a parte prática da capacitação integrando a equipe do Manganês, no Complexo de Carajás, em Parauapebas.

A qualificação como trainee durou 24 meses – oito deles no Manganês e o restante em Carajás, na mina de ferro – e representaram um grande desenvolvimento profissional para Rosinha, que atuou em diferentes setores da empresa. “Quando entrei, fui para a operação, operei o trator de esteira, depois fui para o caminhão, passei uma temporada na sala de rádio”, recorda.

Com apoio financeiro da Vale, ela fez o curso técnico de mineração e participou de mais de 40 capacitações e treinamentos internos de aperfeiçoamento, etapas que a preparam para um novo momento na carreira.

PubliEditorial_ROSINHA-03

Conheça mais esta e outras histórias de quem cresce lado a lado com a gente.  Acesse www.vale.com/ladoalado