O prefeito eleito de Marabá, Tião Miranda (PTB), decidiu voltar atrás da decisão de renunciar ao cargo e tomar posse neste domingo (1º) na cerimônia realizada na câmara dos vereadores do município. Com a decisão Toni Cunha, que faz parte da chapa de Tião, será empossado como vice-prefeito. Ele assumiria no caso da impossibilidade do prefeito eleito ser empossado.

Tião Miranda recebeu 59.416 votos na eleição de outubro, o que correspondem a 51,64% dos votos válidos. O segundo candidato mais votado, Dr. Veloso (DEM), teve 47.640 votos (41,41%). Apesar da vitória, o prefeito eleito disse que não tinha iria assumir o cargo por problemas de saúde.

Em seu pronunciamento após a posse, Miranda alegou que sofre de depressão e que havia renunciado em função da doença, mas que devido ao clamor da sociedade ele optou por rever  sua decisão e assumir o desafio do cargo.