Projeto Mundiar oferece 30 vagas para conclusão do Ensino Médio em 18 meses em Canaã dos Carajás

O Projeto Mundiar oferece 30 vagas para jovens a partir de 17 anos concluírem o Ensino Médio em 18 meses em Canaã dos Carajás.

O horário de estudos é noturno e está sendo realizado na Escola Estadual de Ensino Médio João Nelson dos Prazeres Henrique.

As inscrições estão abertas até o dia 27 de Março ou até o limite de vagas.

Os documentos necessários são:

  • Uma pasta suspensa
  • Duas fotos 3×4
  • Cópia do Histórico e Certificado do Ensino Fundamental
  • Cópia da Certidão de Nascimento ou Casamento
  • Cópia do comprovante de residência
  • Cópia do Cartão Bolsa Família

 

Saiba mais sobre o projeto:

PROJETO MUNDIAR

Iniciado em 2014, o Projeto Mundiar é desenvolvido pela Secretaria de Estado de Educação (Seduc) em parceria com a Fundação Roberto Marinho e conta com financiamento do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID).
O objetivo é acelerar a aprendizagem e corrigir o fluxo escolar dos estudantes em distorção idade/ ano, possibilitando que eles terminem o ensino fundamental em 24 meses e o médio em 18 meses.
A partir de um currículo único, de abrangência nacional, o Telecurso incorpora características regionais e locais à dinâmica das aulas, de maneira que o estudante descubra novas situações de aprendizagem a partir da sua experiência de vida. A metodologia Telessala reúne um conjunto de ações (como formação continuada de professores, acompanhamento pedagógico e avaliação) que garantem resultados bem-sucedidos em diferentes contextos.
Iniciado em 2014, o projeto faz parte das ações do Pacto pela Educação do Pará. Quase 20 mil alunos são atendidos pelo Mundiar, o qual conta com a participação de 709 professores. É considerado importante instrumento educacional, pois contribui para corrigir a distorção de idade/ ano, que hoje é de 47% no ensino fundamental e 64% no ensino médio.
O Projeto Mundiar usa a metodologia Telessala, uma proposta pedagógica voltada para a formação da cidadania e desenvolvimento de competências e para o mundo do trabalho, com objetivo de fortalecer o desenvolvimento pessoal, social e cognitivo dos estudantes, além de contribuir para o desenvolvimento dos educadores envolvidos, por meio de uma proposta metodológica de formação continuada e acompanhamento pedagógico.

Os professores se dedicam exclusivamente a uma única turma. Eles ministram aulas em todas as disciplinas, em módulos, em que 15 minutos diários são de videoaulas elaboradas pela Fundação Roberto Marinho, seguidos de atividades em sala de aula.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *